Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Robin Hood - The Legend

por Andrusca ღ, em 31.03.12

Ainda não acabei o capítulo, e hoje também não o vou poder fazer.

Mesmo assim há muita gente que ainda não leu o anterior, por isso vou deixar aqui um sneak peek:

 

- Não te estás a esforçar! – Gritou Robin, quando mandou a espada que Elisabeth segurava para o chão.

Tinham passado duas semanas desde que esta tinha aparecido à porta do primeiro, genuíno e lendário Robin Hood e de Marian. Tem lá ficado desde então, e Robin acedeu ao seu pedido de que a treinasse. Com o arco deu provas de ser bastante experiente, e explicou que quando estava no convento costumava fugir com Frederick e iam os dois fazer tiro ao alvo para a floresta.

(...)

- Não gosto de me impor quando sei que não sou bem-vinda. Tenho força de vontade, mas não gosto de ser um peso para alguém. E se ele me descobrisse aqui, arranjaria maneira de me fazer partir. E eu ainda não fiz o que tenho que fazer.

Robin suspirou e olhou para o céu por alguns momentos.

- Eu penso que apenas te queira proteger. É teimoso, como a mãe dele – disse – Não acredito que sejas um peso para ele.

(...)

- Não estás a ficar velhote para isto, pai? – Brincou Robin.

- Nunca se sabe quando é preciso alguma ajuda – advertiu-o o pai.

Saíram os dois para a frente da casa, e começaram a lançar flechas. Robin usou o arco que sempre usava, e o seu pai pediu a Marian que lhe trouxesse um de lá de dentro. E ficaram assim entretidos, durante bastante tempo.

(...)

- E foi, uma grande aliada – Elisabeth engoliu em seco. “Uma grande aliada, claro”, pensou.

- “Foi”? O que aconteceu? – Perguntou-lhe o pai. “Sim, o que aconteceu?”, perguntou-se Elisabeth.

Robin, de novo, suspirou.

- Lembras-te de sempre me dizeres para nunca me deixar apegar muito? Que posso fazer qualquer coisa, mas que a partir do momento em que me apego a algo fico limitado? – O pai assentiu-lhe – Bem, não te ouvi. Deixei-me apegar a ela, e quando as coisas deram para o torto não soube o que fazer.

2 comentários

Comentar post