Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Destinos Trocados

por Andrusca ღ, em 07.09.12

Como ainda tenho pouquinhos comentários, vou-vos deixar um sneak peek para ver se vos "abre o apetite".

Espero que gostem.

 

- Meu… acho que fiz asneira – o filho do mordomo só parou de reclamar quando reparou bem na cara do amigo. Sim, Nate parecia preocupado, bastante preocupado. Keith ajeitou-se na cama, ficando sentado encostado à cabeceira, e o amigo acomodou-se na cadeira da secretária.

“Sim, óbvio que fizeste, acordaste-me”, pensou Keith com sarcasmo.

- Então? – Perguntou – O que se passou?

(...)

Nate estava mesmo desorientado, e Keith via isso perfeitamente. Não podia deixar o amigo como uma barata tonta, apesar de não lhe poder dizer a verdade. Por muito que não concordasse com os sentimentos dele por Caroline, já tinha percebido que ia ser difícil mantê-lo afastado dela.

- Então, se ela se preocupa com essas coisas, porque não lhe mostras que também te preocupas? – Sugeriu – Talvez assim perceba que te julgou mal.

Os olhos de Nate iluminaram-se e nos seus lábios abriu-se um sorriso. 

(...)

Passado um pouco mais de quinze minutos, Nate estacionou o carro em frente a uma pequena mansão amarela, e Caroline franziu as sobrancelhas.

- O que estamos a fazer aqui? – Perguntou, enquanto ambos saíam do carro. “E onde é aqui?”, adicionou, em pensamento.

Nate sorriu e conduziu-a à entrada. Por cima da porta encontrava-se uma tabuleta que dizia “A Casa de Todos”.

- O que é este sítio? – Insistiu Caroline.

(...)

- Ontem perguntaste-me se eu sabia como era ter pessoas a mentirem-me – murmurou Nate – Sabes bem que sim, porque tu certificas-te disso.

Caroline olhou para ele e engoliu em seco.

- Nate…

- Não, deixa-me terminar. Diz-me a verdade, Cindy. Estás diferente, e não me venhas com tretas de que aprendeste a valorizar as coisas porque a Cindy que eu conhecia nunca aprenderia uma lição dessas.(...) Preciso de saber a verdade. Podes confiar em mim.

Caroline suspirou, já não sabia como fugir ao assunto.

- Queres mesmo saber a verdade?

 

Então, o que acham que vem daqui? (a)

6 comentários

Comentar post