Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Spotlight

por Andrusca ღ, em 03.12.10

Ok, vá, lá vai mais um capítulo.

Mas tem mesmo que ser a última vez, senão daqui a nada não há capítulos para postar...

(e sim, a Leah nesta fic tem vários tipos de humor xD)

 

Capítulo 7

Companheiros

 

Seth

 

Mal entrámos a voz da minha irmã ecoou.

- NÃO ACREDITO! – Gritou ela – TU ÉS A ALYSON SHEPHERD!

Olhei quase em pânico para Alyson, que por momentos parecia em estado de choque. A barulheira que estava aqui dentro parou de súbito e todos observaram a minha razão de existir, tal como Emily, que tinha acabado de entrar vinda do quarto. Ao olhar para ela lembrei-me que não preveni Alyson em relação ao seu rosto, mas quando dirigi o olhar para Alyson, ela parecia normal. Claro, é actriz.

- Pessoal, esta é a minha… - a minha razão de existir, mas não posso dizer isso – a minha amiga Alyson.

- Não acredito nisto – Leah quase que correu e apertou a mão a Alyson. Mas onde é que está a irmã que eu conheço? – É um prazer enorme, eu sou a Leah.

- A minha irmã – completei.

- Olá – disse Alyson, para todos mas a olhar para Leah, que não a largava.

- Eu sou tão tua fã – disse Leah.

- Leah – repreendi.

- O que foi? É verdade. OMG, no último filme que fizeste foste o par romântico do Tom McCallin, não foi? – Nem lhe deu tempo para falar – Ele beija bem? Que estupidez, claro que sim. Como é que foi estares com ele? É tão lindo ao vivo como na televisão?

- Leah! – Gritou-lhe Sam.

- O que foi? – Gritou-lhe Leah.

- Estás a pô-la desconfortável – disse-lhe Emily, subtilmente mas não baixo o suficiente.

- Não faz mal – disse Alyson – Sim Leah, ele é óptimo.

Leah sorriu-lhe e depois voltou a sentar-se. O resto do grupo olhava expectante, queriam que dissesse alguma coisa, mas acho que Sam não parecia muito feliz.

- Alyson, estes são o Paul, o Embry, o Quil, o Sam e o Jacob – disse eu, enquanto apontava – E aquela é a Emily, a noiva do Sam. Da Leah nem vale a pena falar.

Leah deitou-me a língua de fora mas ignorei completamente. Vi que Sam me fez sinal e deixei Alyson ao pé de Quil e Embry, antes de me aproximar dele.

- Uma estrela de Hollywood? – Perguntou-me – Estás louco?!

- O quê? – Como é que ele me pode vir com esta conversa – Sam, tu mais que ninguém devias compreender que não escolhemos quem marcamos.

- Eu sei isso. Mas uma actriz?! Fazes ideia dos fotógrafos que ela carrega com ela? Da publicidade, das notícias? É um risco enorme para toda a alcateia.

- Vá lá Sam, dá-lhe uma oportunidade – interferiu Emily – Pode ser que saias surpreendido.

 

Alyson

 

Sentei-me ao lado de dois rapazes – que Seth me tinha apresentado como Quil e Embry – e eles fitavam-me de uma maneira esquisita. Também outro rapaz, Paul acho eu, olhava directamente para mim. Jacob saiu, e eu nem o vi passar.

Já devia estar habituada a ter os olhos constantemente postados em mim, mas acho que é difícil habituarmo-nos a uma coisa destas.

Olhei para Sam, Emily e Seth. Pareciam discutir. Espero que não seja por minha culpa.

- Querem perguntar alguma coisa? – Perguntei, visto que os três rapazes não paravam de olhar para mim.

- Sim – foi Paul quem falou – Sabes guardar segredos?

- Sei…

- Mas os paparazzis descobrem sempre, certo? – Perguntou Quil.

- Nem sempre, mas muitas vezes – expliquei – Porquê?

- Nada de especial, é só que… - Embry deu uma cotovelada a Quil, fazendo-o calar-se.

- Que… - incentivei.

- Nós somos os companheiros do Seth, aqui somos todos como irmãos, por isso queremos saber se ele pode contar contigo – disse Embry.

- Claro que pode.

- Mas tu… - Agora era Leah quem falava, e pela primeira vez parecia desconfortável – O que aparece nas revistas é verdade?

- Algumas coisas…

- Como as festas malucas, as saídas à noite e a carrada de namorados? É que o Seth é um tipo muito calmo e isso – dizia ela.

- Bem… sim, eu saio. E namoro. Mas a maior parte das verdades não saem nas revistas. O Seth parece um tipo bem porreiro e eu… - olhei para ele e vi que também ele me fitava – eu também gosto de sossego e de estar no meu canto calma e descansada.

18 comentários

Comentar post

Pág. 1/2